Nossa Senhora da Providência

  • INFORMAÇÕES
  • O que levar em conta na hora de definir a Escola dos filhos

INFORMAÇÕES

O que levar em conta na hora de definir a Escola dos filhos

Antes mesmo do término do ano escolas, instituições de ensino, públicas e particulares, já deram início aos calendários de matrículas e confirmações de vagas.

Em Santa Maria, há escolas que já estão com o processo de ingresso de alunos em aberto e outras que devem iniciar em pouco tempo. Esta época é importante para que os pais, junto com seus filhos, avaliem uma série de questões antes de optar por uma ou outra instituição. Mas o que é importante observar na hora da escolha?

Elisiane Machado Lunardi, doutora em educação e assistente técnica do Conselho Municipal de Educação, lembra que há alguns itens necessários de serem apurados pelos pais antes da escolha. Os principais são as políticas pedagógicas da escola e a infraestrutura. 

Ela lembra que as crianças que ingressam na Educação Infantil precisam passar por um período de adaptação. Mas é importante que os pais fiquem constantemente atentos às percepções dos filhos.

_ Quando a criança entra na escola, é preciso o período de adaptação, de uma semana por exemplo, em que a família vai até a aula. A mãe entra na sala no primeiro dia, a porta fica aberta. As crianças choram e querem ir embora nos primeiros dias. A duração é relativa, há crianças que levam um mês para se adaptar, mas é preciso respeitar. Não dá para mudar a criança de escola nos primeiros dias por causa destas reações _ diz Elisiane.

Filho precisa participar

A professora, que também coordena o curso de Pedagogia da Unifra, lembra que as observações valem para a Educação Básica e para o Ensino Médio e que os filhos devem participar das de todas as decisões sobre a escolha da escola:

_ Na adolescência, eles estão no auge do desenvolvimento cognitivo e do pensamento abstrato. E, eles estão criativos e é preciso que a escola saiba trabalhar isso. Hoje, os adolescentes são tecnológicos, e a escola também precisa usar as tecnologias. Uma escola totalmente conteudista pode se tornar desinteressante para o aluno. 

Jane Costa, psicopedagoga, lembra que há critérios importantes tanto para escolher a instituição como na hora de decidir mudar de escola.

_ O plano pedagógico tem que ser conhecido pelos pais. Também deve-se observar se a escola prega alguma filosofia ou religião que deve ser condizente com a posição da família. Trocar de instituição é a última opção. Antes, é preciso resolver os problemas. A maioria tem solução _ esclarece Jane.

Matéria retirada do site do Jornal Diário de Santa Maria

http://diariodesantamaria.clicrbs.com.br/rs/noticia/2014/10/o-que-levar-em-conta-na-hora-de-definir-a-escola-dos-filhos-4617791.html

 

Álbum de fotos